Profissão; barista. O que é e o que se espera dele em uma cafeteria?

A palavra barista, possui origem italiana, e antigamente era usada para designar o profissional que trabalhava no bar. Os escandinavos foram os responsáveis pelo desenvolvimento da profissão até como ela é conhecida atualmente. Hoje é diferenciada da função de bartender/barman. O barista é o profissional responsável por entregar uma xícara de café de qualidade aos clientes. Para isto, deve conhecer toda a cadeia produtiva do café, desde a plantação à xícara.

 

Ilustração do processo do café da fazenda à xícara

Algumas características são fundamentais ao profissional para ele se tornar um bom barista.

São elas, ter:
• Disciplina;
• Dedicação – estudo e prática constantes;
• Empatia – capacidade de se colocar no lugar do outro;
• Educação e gentileza;
• Preocupação com a qualidade do serviço.

 

Massa de Donuts

Receita de massa de Donuts

Rendimento: 15 unidades de 60g

Validade: 2 dias sem refrigeração 30 dias frito e congelado

Ingredientes:

• 250 ml de água (aproximadamente)

• 500 g de farinha de trigo

• 40 g de açúcar

• 40 g de margarina

• 10 g de sal

• 50 g de ovo

• 15 g de fermento seco ou 30 g de fermento

fresco

Modo de preparo:

• Reserve a água e misture o restante dos ingredientes, tomando cuidado para que o fermento não entre em contato direto com o sal, pois pode anular a ação do fermento

• Adicione a água aos poucos para dar o ponto desejado à massa

• Sove a massa até que fique lisa e solte das mãos fazendo assim desenvolver o glúten e deixando a massa elástica para que prenda o ar dentro dela na hora do crescimento

• Estique a massa na espessura desejada e corte no formato desejado

• Deixe crescer e corte novamente com o cortador que cortou da primeira vez para tirar as imperfeições

• Frite em óleo não muito quente (para dar tempo de cozinhar a parte interna da massa)

Cobertura de fondant

Ingredientes:

• 60 ml de leite quente

• 360 g de açúcar de confeiteiro

• Corante de sua preferência – opcional

• 25 g de cacau em pó

Modo de preparo:

• Aqueça o leite

• Adicione aos poucos no açúcar de confeiteiro (não

pode ser o açúcar gelado, pois a composição do

açúcar gelado não nos dá o resultado esperado)

• Adicione o cacau

• Depois de pronto, adicione o corante de sua

preferência se desejar

10 dicas para escolher a garrafa vinho certa

Sabe naquela hora que rola uma dúvida sobre qual garrafa de vinho levar?

Hj trouxe 10 dicas para vc saber escolher a melhor garrafa de vinho.

  1. Evite escolher garrafas que estejam na vitrine, ou próximas a fontes de luz e calor. Isso pode causar perda do sabor da fruta e o frescor da bebida.
  2. Faça uma pesquisa online para examinar a classificação e opnião sobre quem já experimentou.
  3. Para vinhos brancos e rosés, pouco caros, escolha a safra mais recente possível.
  4. Fique atento a garrafas em promoção, pergunte o por quê, algumas vezes o vinho está em má condições ou está velho demais.
  5. Caso o vinho esteja vedado com rolha natural, dê preferência ao que tenha sido guardado horizontalmente, mantendo a rolha úmida, e o oxigênio do lado externo da garrafa.
  6. Verifique o nível de líquido no pescoço da garrafa. Caso haja um espaço maior que dois ou três centímetros acima do nível do vinho com a garrafa de pé, significa que há excesso de oxigênio, o que é prejudicial em contato com a bebida.
  7. Dê preferência a vinhos engarrafados o mais próximo possível dos locais onde as uvas foram cultivada. Os vinicultores mais sérios insistem em engarrafar seus vinhos.
  8. Quando o assunto for vinhos finos, e estiver difícil lembrar exatamente a melhor safra de cada região, vc pode usar um atalho útil, chamado regra dos cinco do autor Manoel Beato: Todas as safras desde 1985 divisíveis por cinco (ou seja terminadas em 5 ou 0) foram muito boas.
  9. Visite um comerciante de vinhos independente e peça orientações.
  10. Desconfie de contrarótulos específicos demais. Pode significar apenas excesso de marketing.

 

Bolo de banana saudável

Receita de Bolo de banana saudável

Esta receita não contém: Leite, soja.

Rendimento: 20 fatias

Ingredientes:

  • 5 unidades bem maduras de banana-prata
  • 1 ½ xícara de chá de açúcar mascavo
  • ½ xícara de chá de açúcar demerada
  • 2 ovos
  • 1 xícara de chá de farinha de rosca
  • 1 xícara de chá de aveia em flocos finos
  • ½ xícara de chá de óleo
  • 1 colher de sopa rasa de fermento em pó

Modo de preparo:

  • Em uma tigela, misture a farinha de rosca, a aveia, os açúcares e reserve.
  • Bata no liquidificador o óleo, o leite, os ovos, e as bananas.
  • Despeje na tigela dos seco e misture.
  • Acrescente o fermento.
  • Pré-aqueça o forno.
  • Unte uma assadeira com óleo e um pouco de
    farinha de trigo.
  • Despeje o conteúdo na assadeira e leve ao forno médio (180ºC) por cerca de
    40 minutos.

 

 

Molho Bolonhesa

O molho a bolonhesa é tradicionalmente preparado para acompanhar tagliatelle fresco, mas combina praticamente com todos os tipos de massa, eu amo acompanhar com nhoque por exemplo.

Receita de molho bolonhesa

Ingredientes:
• 100 g de bacon (opcional)
• 50 g de cebola
• 2 dentes de alho
• 250 g de carne moída
• 500 ml de molho ao sugo ou 30 g de extrato de tomate
• Sal (Q.B.)
• Pimenta-do-reino (Q.B.)
• 10 ml de azeite

Modo de preparo:

• Corte o bacon, sem o couro, em cubos
• Corte a cebola e o alho (brunoise)
• Refogue o bacon, a cebola e o alho no azeite
• Inclua a carne e refogue até dourar
• Acrescente o molho ao sugo ou extrato de tomate
• Cozinhe por aproximadamente 15 minutos
• Tempere com o sal e a pimenta

• Empregue na massa desejada

 

Validade: 2 dias.

Rendimento: 4 a 6 porções.

Massa tradicional de leite em pó para docinho modelado

Pasta de leite em pó de ninho para docinho modelado.

Validade: 15 dias em temperatura ambiente

Rendimento: aproximadamente 250g

Ingredientes:

• 1 xícara (chá) de leite em pó integral (120 g)

• 1/2 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro sem amido (glaçúcar) (80 g)

• 4 colheres (sopa) de leite de coco (60 g aproximadamente)

MODO DE PREPARO

• Misture o leite em pó com o açúcar de confeiteiro.

• Adicione o leite de coco e mexa com as mãos.

• Lave as mãos, seque-as bem e verifique o ponto da massa.

• Caso seja necessário, acrescente um pouco mais de leite de coco.

• Acomode a massa em embalagem plástica ou pote com tampa.

• Deixe descansar por uma hora.

Obs.:

• O ponto da massa é de extrema importância, já que será modelada. A massa não pode ficar muito mole e grudando nas mãos, mas também não pode ficar muito firme, pois após o descanso, endurece um pouco.

• O ponto da massa se altera com o passar do tempo, dificultando a modelagem. Por isso, prepare somente a quantidade que for utilizar.

Para colorir a massa:

• Corantes alimentícios em pó, em gel ou corantes à base de gordura (usados para chocolate) nas cores que desejar

Obs.:

• Como a massa é feita de leite em pó, a umidade do corante pode alterar o seu ponto. Sendo assim, dê preferência aos corantes em gel, em pó e até mesmo os corantes para chocolate, que são feitos à base de gordura.

Modo de preparo:

• Separe a porção de massa que deseja colorir.

• Acrescente o corante aos poucos, até atingir a tonalidade desejada.

Pão de ló de leite ninho

Bolo pão de ló é uma delícia, agora imagine saborizado com leite ninho?

Tenho certeza que se vc fizer essa receita vai amar, e sempre que pensar em fazer pão de ló, vai querer fazer está ❤

Ingredientes:

  • 200 g de ovos (4 unidades)
  •  2 g de sal
  •  250 g de açúcar refinado
  •  180 ml de leite UHT
  •  80 ml de óleo
  •  200 g de farinha de trigo
  •  10 g de fermento em pó
  •  50 g de leite em pó

 

Modo de preparo:

Quebre os ovos
• Bata as claras em neve com o sal na batedeira

• Incorpore as gemas uma a uma
• Junte o açúcar e bata por mais 2 minutos aproximadamente
• Aqueça o leite com o óleo no micro-ondas por aproximadamente 1 minuto
• Incorpore este líquido à mistura da batedeira
• Retire da batedeira e acrescente os ingredientes secos misturados (farinha de trigo, fermento em pó e leite em pó)
• Misture lentamente com um fuê, para que a massa não murche
• Leve para assar a 180 graus por aproximadamente 25 minutos
• Retire
OBS: Se quiser fazer o pão de ló de chocolate, acrescente
50 g de cacau em pó nos ingredientes secos.

Rainforest Cafe

O Rainforest Cafe é um dos restaurantes mais procurados por turistas que estão em Orlando, é um restaurante, propriedade de Landry’s Restaurants com sede em Houston, Texas. O restaurante une a experiência de fazer vc se sentir passeando pela selva (no local há simulação dos sons da vida selvagem, e animais de uma floresta tropical . e ao mesmo tempo surpreende o seu paladar com a culinária baseadas em alimentos que existem também numa floresta tropical, porém no estilo americano que adultos e crianças adoram.

Rainforest Cafe tem filiais em várias localidades dos Estados Unidos, como Minnesota, Texas, NY e Miami e também em outras cidades do mundo como Londres, Tóquio e Paris. Eu já conheci duas unidades, a de Miami que fica no Sawgrass Mills e a de Orlando que fica no parque Animal Kingdon , e ambos são muito parecidos. Em Orlando está presente em dois lugares: no centro de entretenimento Disney Springs  e no parque Animal Kingdom. Para visitar a unidade do Animal Kingdom não é necessário ingresso do parque.

Na decoração, cada parte do Rainforest Cafe é dedicada a uma parte específica do mundo animal., você fará uma refeição na companhia de animais, ao som de trovões e tempestades repentinas. Pássaros cantando, elefantes barrindo, gorilas batendo no peito e cardumes de peixes brilhantes e coloridos esperam por você na selva, luxuosamente criada com vegetação tropical, figueiras, cachoeiras e um céu repleto de estrelas à noite.

 

 

A decoração se faz presente até nas mesas, que são todas estampadas para combinar com o tema florestal.  Algo que chama muito atenção também são os bancos da área do bar, que são inspirados em animais, e ao sentar fica parecendo que você é “parte animal” da cintura pra baixo.

Lojinha:

A entrada do restaurantes da rede sempre trazem uma lojinha, a do Animal Kingdon pelo menos é tentadora, e te deixa louquinho para comprar cada coisa que vê (afinal vc está na Disney) os produtos possuem a mesma temática de floresta e animais.

 

IMG_7330
A Letícia escolheu um Unicornio da TY

O que comi?

Eu escolhi algo que aprendi a amar,

Fish and Chips – Peixe com batatas fritas. $21, 99 USD.

Servido ao estilo inglês com salada de repolho, batatas fritas Safari
 
IMG_7468.JPG Fish and Chips

Já os pratos principais para crianças custam tds $8,99 USD, com direito a um acompanhamento e uma bebida, mas caso queira smoothies ou raspadinha, vc paga um valor a parte e leva o copo de brinde com uma miniatura do mascote.

 

Você pode visualizar o cardápio infantil, aqui. Lembrando que o menu kids é para crianças de até 9 anos, eu apenas tirei foto 😀

O cardápio adulto vc visualiza, aqui.

Cardápio adulto e infatil em português da unidade Animal Kingdom, aqui.

Para garantir seu lugar e não precisar enfrentar filas, é melhor marcar sua reserva do restaurante, pelo site.

 

Nome: Rainforest Cafe
Onde fica? Unidade Disney’s Animal Kingdom – Entrada principal.Telefone: +1 407-938-9100 (Animal Kingdom) ou +1 407-827-8500 (Disney Springs)
Preço: $$ (de US$ 15 a $34.99 USD por adulto)

Horário de Funcionamento:

Café da manhã
8h30 – 10h
Almoço
10h15 – 16h45
Jantar
17h – 22h

Avaliação do Thata:  👍👍👍👍

Biscoito champagne

O biscoito Champanhe é uma receita de origem francesa, criada na cidade de Reims que se localiza na região de Champagne, a terra da famosa bebida.

A maneira tradicional de consumir o biscoito, bastante praticada na cidade de Reims, é mergulhando-o em uma taça de champanhe 🥂

Receita de Biscoito champagne

Ingredientes:

  •  250 g de farinha de trigo
  •  75 g de água
  •  3 ovos
  •  200 g de açúcar refinado
  •  10 g de fermento em pó
    químico
  •  10 g de emulsificante de
    bolo

 

Modo de preparo: 

  •  Misture todos os ingredientes
  •  Bata em alta velocidade ate formar um creme homogêneo
  •  Modele
  •  Polvilhe açúcar cristal sobre os biscoitos
  •  Disponha em assadeira untada com margarina de uso culinário
  • Leve para assar até dourar em forno pré-aquecido a 180 graus por aproximadamente 20 minutos.

Pipoca de leite em pó com Nutella®

Receita de Pipoca de leite em pó com Nutella®

Ingredientes:

  • 250 g de chocolate ao leite
  • 200 g de Nutella®
  • 80 g de pipocas caramelizadas
  • 200 g de leite em pó

Modo de preparo:

  • Derreta o chocolate ao leite junto com a Nutella®.
  •  Junte esse chocolate derretido com as pipocas caramelizadas e misture bem.
  •  Acrescente o leite em pó até que elas secas.

 

OBS.: caso demore para secar, coloque a pipoca na
geladeira antes de adicionar o leite em pó.

Pipoca de leite ninho

Receita de Pipoca de leite ninho

Validade: Entre 7 e 10 dias em embalagem bem vedada.

Ingredientes

  • 100 g de pipocas caramelizadas
  • 400 g de chocolate branco fracionado
  • 200 g de leite em pó

Modo de preparo: 
• Separe a pipoca caramelizada em uma tigela grande e reserve.
• Derreta o chocolate em micro-ondas (esquentando de 30 em 30 segundos na potência 80 e mexendo a cada pausa para que o chocolate não queime) ou em banho-maria.
• Jogue o chocolate sobre as pipocas até que todas estejam bem envolvidas. Após isso, polvilhe o leite em pó
e continue mexendo até que as pipocas fiquem todas
separadas e sequinhas.
• Embale as pipocas e elas estão prontas para serem consumidas.

Pipoca doce caramelizada

Pipoca caramelizada básica:

Ingredientes:

  • 100 g de milho de pipoca
  • 100 g de açúcar cristal
  • 40 ml de óleo de soja
  • 40 ml de água filtrada
  • 10 ml de essência de baunilha

 

Modo de preparo: 

•  Em uma pipoqueira, coloque os milhos de pipoca em fogo
alto e espere eles esquentarem enquanto mexe. Feito isso,
adicione o óleo e misture até que ele esquente.
• Adicione o açúcar e misture até que fique homogêneo.
• Adicione a água e, em seguida, a essência de baunilha.
Neste processo, o açúcar pode grudar na panela, continue
mexendo a mistura para que ele dissolva na panela.
• Pare de mexer e espere começar a estourar os primeiros
grãos de pipoca. Tampe a panela e volte a mexer até
que estoure todas as pipocas ou até que você ouça que
elas pararam de estourar.
• Desligue o fogo, despeje as pipocas em uma assadeira
grande, jogue a pitada de sal sobre elas e leve ao forno
em fogo baixo por cerca de 10 minutos, dependendo
de cada forno.
• Retire do forno e separe as pipocas dos milhos que
não estouraram.
• Depois desse processo de separação, elas estarão
prontas para serem consumidas.

Açúcar, seus tipos e derivados.

Açúcar, o ingrediente que representa a confeitaria. Suas principais ações nas preparações é conferir sabor e umidade, mas também compor a estrutura, por isso é muito importante que seja utilizado na quantidade correta, nem para mais nem para menos.

Açúcar refinado: Mais fino que o granulado, dissolve com rapidez e é utilizado em cozinhados, recomendado para misturas cremosas, massas batidas e merengues. No processo de refinamento, há adição de aditivos químicos como o enxofre que tornam o produto branco e tiram o acentuado sabor de cana.  Porém esse processo retira vitaminas e sais minerais, deixando apenas as calorias vazias, sem absolutamente nenhum nutriente.

Açúcar granulado/Cristal: De coloração branca, possui cristais grandes e transparentes, difíceis de serem dissolvidos em água. Depois do cozimento, ele passa apenas por um refinamento leve, mas que mesmo assim retira 90% dos seus sais minerais. Por ser econômico e render bastante é usado em grande escala. Está sempre presente nas receitas de bolos e doces. Usado como agente de corpo e, principalmente, como adoçante na indústria alimentícia em geral, destacando-se: bebidas, balas, biscoitos, chocolates, etc.

Açúcar orgânico: O diferencial é que a cana utilizada em sua fabricação é cultivada sem agrotóxicos ou qualquer fertilizante químico. Suas características nutricionais se assemelham com as do açúcar mascavo. Apresenta uma quantidade maior de vitaminas e minerais em relação ao açúcar refinado. Portanto, seus benefícios estão relacionados à ausência de aditivos químicos e preservação dos sais minerais e não aos valores calóricos. Por não ser refinado, o açúcar orgânico tem como características grãos mais grossos e cor mais escura.

Açúcar Demerara: Açúcar não refinado/leve refinamento, não recebe nenhum aditivo químico. Por isso, seus grãos são de cor castanha e têm valores nutricionais altos, além de ser recoberto com melaço enriquecendo a cor e o sabor. Também usado no preparo de bolos, café, sobremesas, etc. Possui sabor mais suave que o mascavo.

Açúcar mascavado: Pode ser encontrado na versão claro ou escuro. Ambos feitos da mistura de xarope de melaço purificado com açúcar branco, o que proporciona cor, umidade e sabor. Possui característica de um açúcar bruto, escuro e úmido, extraído depois do cozimento do caldo de cana. Como o açúcar mascavo não passa pela etapa de refinamento, ele conserva o cálcio, o ferro e os sais minerais. Tem sabor bem parecido com o do caldo de cana, o que pode desagradar a algumas pessoas acostumadas com o açúcar refinado. Já o mascavado claro possui um percentual maior de açúcar branco.

Açúcar em pó: De cor branca e textura fina, que se assemelha a de talco. Seu segredo é um refinamento sofisticado que inclui o processo de peneiragem, obtendo minicristais e a adição de amidos para impedir que crie grumos. Utilizado para glacês e cobertura, polvilhar bolos, pudins e doces, e outras preparações onde o açúcar granulado não é recomendável. 

  • Açúcar de Confeiteiro: Existe de diversas granulações. Dentre as opções de açúcar em pó é o que possui menor porcentagem de amido. Bom para ser utilizado em recheios e merengues,
  • Açúcar Impalpável: Ideal para manipulação de pasta americana.
  • Açúcar Gelado: Confeccionado para não derreter, melhor opção para polvilhar sonhos e doces de vitrine em geral.

Açúcar Baunilhado: Se trata de um mix de açúcar e fava de baunilha ou extrato, muito utilizado em recheios, cafés, pudins e para incrementar as receitas de doces.

Açúcar-Cândi: Cristais, grandes e castanhos. Dissolve lentamente na preparação.

Açúcar em cubos: Pode ser claro ou escuro. São cubos comprimidos de açúcar granulados ou naturais/não refinado. Muito utilizado para adoçar bebidas quentes, pois os cubos dissolvem-se rapidamente em liquido quentes. 

Rapadura: Rapadura, feito a partir do caldo de cana aquecido e posteriormente resfriado dando origem a uma massa solidificada, graças a grande quantidade de cristais formados, são moldada em formas de madeira.

Melado: Forma de melaço de cana um pouco mais doce e padronizada. Rico em cor e sabor. Ideal para bolos úmidos de frutas, pão de gengibre, e doces melados. Seu alto teor mineral faz dele um útil suplemento dietético.

Frutose: também conhecido como açúcar da fruta, encontra-se nas frutas, no mel e em certos legumes. Componente importante do açúcar comum. 

Açúcar de Palma: O açúcar de palma é um adoçante derivado de uma variedade de palmeiras. Os termos “açúcar de palma” e “açúcar de palma de coco” são frequentemente usados indistintamente. Cada um é originário de diferentes fontes botânicas e cada um tem uma composição química ligeiramente diferente, porém ambos são processados da mesma maneira e são semelhantes em suas aplicações.

Xarope de Agave: O xarope Agave é produzido a partir da seiva de várias espécies de agave, plantas do deserto nativo do Novo Mundo que está relacionado com a família dos cactos. Os açúcares no xarope de agave são cerca de 70% de frutose e 20% de glicose, então essa xarope tem um sabor mais doce do que a maioria.

Açúcar invertido: O açúcar invertido consiste em um xarope quimicamente produzido a partir do açúcar comum, a sacarose; um dissacarídeo formado por dois açúcares simples. Para obter o açúcar invertido é necessário aquecer a sacarose na presença de água para ocorrer a hidrólise do açúcar. É vastamente utilizado na fabricação de balas e biscoitos. A aplicação em balas previne a cristalização do açúcar, já nos biscoitos, sua função é proporcionar ao produto maciez e coloração caramelada.

Açúcar de coco:açúcar de coco é rico em nutrientes e tem um menor índice glicêmico, em comparação ao açúcar refinado.

Creme para recheio tipo Raffaello®

Receita de creme para recheio tipo Raffaello®

Ingredientes:

  • 400 ml de leite integral
  • 400 ml de leite de coco
  • 400 g de creme de leite
  • 790 g de leite condensado
  • 500 g de chocolate branco nobre
  • 180 g de açúcar refinado
  • 100 g de manteiga sem sal
  • 90 g de coco ralado úmido e doce
  • 10 g de farinha de trigo
  • 10 g de amido de milho
  • 15 g de açúcar de baunilha

Importante.: Separe 100 ml de leite integral para dissolver a farinha de trigo e o amido de milho.

Modo de preparo:

  • Misture todos os ingredientes numa panela em fogo médio, exceto a farinha de trigo e o amido de milho.
  • Deixe ferver, mexendo sempre até ferver.
  • Acrescente o amido de milho e a farinha de trigo dissolvidos nos 100 ml de leite, mexendo sem parar por 15 minutos.
  • Em seguida, retire o conteúdo da panela, coloque-o em um bowl e deixe esfriar.
  • Cubra com plástico-filme e leve à geladeira por 24 horas.
  • Utilize para rechear seu bolo.